Malika Soober Lewis || D2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Malika Soober Lewis || D2

Mensagem por Malika Soober Lewis em Seg Maio 12, 2014 7:29 pm



Malika Soober Lewis
16 anos ▪ Distrito 2 ▪ Vendedora ▪ Teresa Palmer ▪ Teets

CARACTERÍSTICAS FÍSICAS


A garota é portadora de uma beleza estonteante. Uma criatura extremamente singela, que possui os traços leves e peculiares de uma típica europeia. Malika chama atenção por onde passa, mesmo possuindo um temperamento difícil. Seus cabelos são louros, longos, lisos e na maioria do tempo bem ajeitados e soltos. Seus olhos são tão azuis e profundos quanto um dia de céu aberto, parecendo de algum modo serem o reflexo do céu na claridade do amanhecer. Sua pele é aveludada e branca como a neve que toma o distrito dois nos invernos rigorosos. Seu nariz é pequeno e levemente arrebitado e suas orelhas são tão delicadas que mais se parecem com as de uma boneca de porcelana. Sua boca é bem desenhada e esta sempre rosada de forma convidativa, chamando dessa forma muita atenção dos rapazes que a cercam. Possui uma pequena tatuagem na lateral de seu quadril, que por sinal não é largo. A tatuagem em questão é apenas uma simples palavra, uma palavra um tanto surpreendente para muitos visto que a mesma parece não crer em algo maior do seu próprio ego: Faith. Tudo esta sempre em harmonia, tudo está desenhado em um plano perfeito. Desde que a menina nascera sua beleza encantava à todos. Agora, aos dezesseis anos, não é muito diferente. Contudo, sua altura e porte físico são um tanto avantajados para uma garota normal. Possui 1,78 de altura com 54 quilos bem distribuídos, principalmente por seus músculos bem definidos. Braços fortes, pernas bem torneadas e barriga chapada... Atributos advindos de seus treinos árduos realizados em um centro de treinamento clandestino.

PERSONALIDADE


Malika possui um intelecto de invejar a muitos, porém, evita se expor ao máximo devido à inveja que sente exalar ás suas costas. É fria, persuasiva, perfeccionista e às vezes deverás sarcástica. Seus olhos penetrantes e consideravelmente claros possuem um poder de atração inigualável. Não gosta muito de certas companhias e prefere muitas das vezes conversar com seus próprios pensamentos, que são tão inquietos quanto ela mesma. Por isso seu circulo de amizade pode ser considerado bem pequeno em relação aos demais, pois prefere assim a ter amizades falsas e por puro interesse social e/ou econômico. Algo que a seu ver vem se tornando cada vez mais frequente em mesmo nos distritos, infelizmente. No entanto, ao contrário do que muito pensam é leal aos amigos que possui e por isso é tremendamente admirada e querida por eles. Irrita-se muito fácil e odeia ser paparicada pelos membros da sociedade que tendem a querer subir posições no meio sem o devido merecimento. Não se importa nem um pouco com a opinião alheia quando é depreciativa, principalmente quando infundada, e no momento em que a criticam ela só se faz rir por considerar essas opiniões as menos importantes dentre a lista que possui. Quando gosta de alguém Malika não se expressa, mas a menina toma conta da pessoa sem que ela mesma perceba tal ato. Surpreendentemente seu humor muda para melhor, suas falas são mais compridas e seu coração bate mais forte com a palpitação de estar deixando de ser indiferente a tudo. É uma pessoa extremamente possessiva e quando se intrometem com o que é devidamente seu se transforma em uma legitima fera. Esta sempre querendo se distanciar daquilo que considera normal e aceito pela maioria da sociedade, por considerar tais comportamentos alienados e robóticos. Prefere as cores pretas, marrons e vermelhas às demais cores e por isso a maioria de suas vestes são de predominância dessas cores, fortes e marcantes. Quem sabe esse fato não seja apenas mais que mera coincidência com seu humor difícil e poder de atração imenso. Por ser extremamente perfeccionista seu objetivo é superar os outros em tudo, exatamente tudo. Não por querer provar seu valor aos outros, muito menos para tentar humilha-los... E sim para satisfazer-se consigo mesma. Odeia perder a qualquer custo, e talvez seja por isso que muitos preferem teme-la a ama-la. É uma pessoa extremamente simpática apenas com os que já demonstraram serem dignos dessa simpatia, com seus familiares mais próximos e com os mais velhos, principalmente por considerar serem estes sua maior fonte de conhecimento. Muito maior até que a fonte encontrada nos livros... Acreditando então que dessa forma poderá amadurecer mais rápido e ficar sábia com as experiências adquiridas apenas pela conversação, pois os mais vividos já possuem experiências que ela ainda pode demorar a ter. Mas o mais importante de se relatar do psicológico dessa garota é que ela nunca esqueceu dos verdadeiros traidores - lê-se seu pai e seu irmão mais velho. Um pouco vingativa talvez, o poder a fascina. “O poder pode nos fazer sucumbir, mas é por ele que a vitória vira. Porque o poder não é mais algo que não se saiba controlar, e os sábios de hoje aprenderam a domina-lo muito bem para que no final dos tempos tudo não se acabe estupidamente em vão.”

MEDOS


▪ Seu maior medo é o de nunca conseguir se vingar do pai que a abandonou.
▪ Morrer sem antes realizar algo realmente significativo e memorável  em sua vida.


SONHOS


▪ Seu maior sonho é participar de uma das edições dos Jogos Vorazes e sair da arena sem muitos danos e uma vitória gloriosa.
▪ Ser mentora do distrito e treinar tributos para serem vencedores invictos.


HISTÓRIA


A brisa matutina seguia seu rumo sorrateiramente, enquanto descabelava aos poucos suas madeixas louras e lisas. As pessoas a observavam todo instante, mas a garota sequer se importava com esse fato, pois as preocupações já encontravam-se deverás graves para se dar relevância aos olhares curiosos que lhe lançavam pelo caminho. Permeava seus devaneios mais profundos, sem perceber que o tempo escapava das mãos em uma rapidez estrondosa. Definitivamente o passado pode interferir no presente. Mas com apenas uma condição: só se as pessoas não forem fortes o suficiente para esquecerem o que devem apagar para sempre de suas memórias. Malika olhou para o céu azulado e pode perceber que as nuvens estavam se desfazendo, como um pedaço de algodão doce que derrete na boca de uma criança ingênua e transborda a beleza de se apreciar as pequenas coisas da vida. Pequenas coisas que ela só conseguia apreciar quando sozinha e longe da hipocrisia que a rodeava. Já era tarde, por isso Malika colocou-se a andar rapidamente pelos corredores que as árvores criavam pela floresta, deixando apenas o eco de suas botas viajarem pelo local completamente vazio. Suas tardes eram todas passadas ali, porque era o único lugar onde o silêncio era algo realmente pleno. Ultimamente a companhia dos animais era sem sombra de duvidas muito melhor do que de algumas pessoas daquele distrito.

Desde muito pequena  Malika se via na obrigação de ajudar seus familiares, tendo sua mãe e seus dois irmãos mais velhos como os únicos dignos de seu perdão e misericórdia. Em sua visão mais estreita, ganhar os jogos era a única opção para que isso acontecesse. Abandonada pelo pai quando ainda pequena só lhe restou o amor e instrução da mãe para ensinar-lhe os pormenores da vida. Mas apesar de seus inúmeros esforços em transforma-la em uma pessoa humilde e simples, não importando a sua fortuna escondida, foi falha. A linda garota transformou sua amargura e magoa do pai em puro desejo de vencer os jogos, e acima de tudo ganhar dos outros em qualquer ocasião. Não importava se era manhã, tarde ou noite, a angelical, porém, indócil Loshi saia de casa sem deixar noticias. Algumas vezes permanecia dias longe sem dormir ou comer, como parte de seu trabalho e treinamento árduos para os jogos. Por vezes alternava os treinos físicos com os treinos táticos, mas as espadas eram de fato sua maior obsessão e armadilha. Seu elemento principal de treino era o manejo de uma espada média esculpida, único pertence que seu pai deixara para trás... Como lembrança de um pesadelo constante em sua vida, como lembrança da ausência, da falta. Como motivo de sua raiva, intolerância e ironia. Prezava a perfeição. A perfeição e nada mais. E para isso faria o necessário e além. Contava com seus irmãos para isso, embora eles não concordassem com o seu fato tão irredutível de querer se candidatar como tributo se os jogos retornassem aos 16 anos para uma edição. Talvez isso estivesse mais perto do que ela esperava, visto que o seu aniversário de 16 anos acabara de ocorrer e alguns rumores diziam que os jogos iriam retornar. Muitos do distrito 2 não a compreendiam tão bem, mas ela parecia apresentar uma sede de matar digna do apelido de carreirista. Só que ao contrário da maioria ela estava nessa estrada na intenção de demonstrar seu valor e planejar sua vingança, e não apenas pelo orgulho de representar o seu distrito se fosse necessário.



HABILIDADES


1. Força Física
2. Perícia com Espada
3. Perícia com Arco e Flecha


diseñado por shiki @ sourcecode
avatar
Malika Soober Lewis
Novato
Novato

Mensagens : 2
Data de inscrição : 12/05/2014

Registro em Panem
Tésseras: 0,00 $
Conhecimento de Habilidades:
Mochila:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Malika Soober Lewis || D2

Mensagem por Alyson C. S. Smith em Ter Maio 13, 2014 4:01 pm


FICHA REPROVADA


MOTIVO



  • Fazer tatuagens é um luxo que só a Capital possui


Criado por Frozen •


Welcome to the new age
Alyson Carolyne Salvatore Smith
thanks to Larissa
avatar
Alyson C. S. Smith
Ministra
Ministra

Mensagens : 370
Data de inscrição : 27/05/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum